Atau

G5 declara apoio a Teimoso para presidência da Câmara

Facebook Twitter

Divulgação/CMSS

G5 declara apoio a Teimoso para presidência da Câmara

Vereador Teimoso acompanhado dos atuais membros do G5 na Câmara

Vereador confirma sua intenção de administrar o Legislativo no próximo biênio 

Com a declaração oficial de apoio do chamado G5, na última sessão da Câmara Municipal de São Sebastião, fica cada vez mais certa a eleição do vereador e atual líder do Governo no Legislativo, Edivaldo Pereira Campos, o Teimoso, do PSB. Na edição 077, da semana passada, o JDL anunciou a possibilidade de o vereador vir a ocupar a presidência da Câmara no biênio 2019/2010 pois, segundo apurado, ele teria o apoio de seis vereadores além de seu próprio voto obtendo, então, sete de um total de 12 votos.

A confirmação do apoio do G5 foi feita pelo vereador Daniel Simões durante pronunciamento na Tribuna, na sessão de terça-feira, dia 30. “Conversamos, algumas vezes, com o candidato a presidente da Câmara, vereador Teimoso. Então temos cinco votos que serão do vereador Teimoso para ser o presidente no segundo biênio da Câmara Municipal de São Sebastião”, afirmou Daniel que integra o G5 junto com Onofre Neto, Ernane Primazzi, Giovani dos Santos (Pixoxó) e Gleivison Gaspar.

Ao confirmar sua intenção de disputar a Presidência da Câmara, Teimoso disse que foi “pego de surpresa com a matéria do jornal. Mas foi uma surpresa boa. Todo mundo sabe que eu quero ser presidente desta Casa por dois anos e quero agradecer aos vereadores que me apoiaram no jornal”, disse Teimoso em pronunciamento na Tribuna. Sobre a frase, “Ele só não será presidente se não quiser”, feita por um vereador à reportagem, Teimoso brincou e disse: “Se eu não quiser? Mas eu quero”.

Teimoso afirmou que, se eleito, sua proposta é fazer um “ trabalho diferenciado para os vereadores e funcionários e ajudar para a melhor gestão possível desta Casa”, declarou o vereador que parabenizou a atual mesa diretora, presidida por Reinaldo Moreira, pela condução dos trabalhos no Legislativo.

Alteração

A eleição da nova Mesa Diretora para o biênio 2019/2010 será realizada no próximo dia 3 de dezembro, um dia antes da primeira sessão ordinária do mês, conforme alteração proposta pelo vereador e presidente da Casa, Reinaldo Moreira em projeto aprovado na sessão de 16 de outubro. A eleição estava prevista, inicialmente, para 20 de dezembro.

Composta pelo presidente, vice, 1º e 2º secretários, a Mesa Diretora se renova a cada dois anos por meio de votação entre os vereadores. Além de Reinaldinho como presidente, a atual Mesa Diretora tem como vice o vereador Giovani dos Santos (Pixoxó), Onofre Neto como 1º secretário e José Reis como 2º secretário.

Eleições 

Sobre os resultados das eleições em segundo turno para o Governo de São Paulo, Teimoso disse que se sentia triste. Porém declarou que sente orgulho do governador Márcio França, de fazer parte do PSB e do vice-prefeito e presidente do partido em São Sebastião, Amilton Pacheco. “A gente trabalhou com dignidade e humildade. Não foi desta vez, mas vamos nos preparar”. Ele agradeceu o apoio de vereadores à campanha de Márcio França e desejou sucesso ao governador eleito, João Dória (PSDB). “Não tenho partido. Não sou o PSB. Sou São Sebastião. Se ele fizer o melhor para minha cidade, fará pelo povo”, disse Teimoso.

Sobre o vídeo do prefeito Felipe Augusto na rede social, logo após o resultado das eleições, e a crise desencadeada devido à críticas e denúncias feitas pelo prefeito ao vice Amilton, Teimoso lamentou a situação. “Acho que ele exagerou. Não se deve fazer isso com ninguém. Fico muito triste porque temos adversários na política e não inimigos”. Teimoso pediu respeito aos amigos e colegas políticos referindo-se ao apoio do PSB na chapa com o PSDB que foi vitoriosa em São Sebastião. Ao demonstrar seu apoio à administração, o vereador concluiu declarando que espera boa atuação do prefeito Felipe Augusto. “Espero que nesse dois anos e dois meses que faltam, que ele faça uma administração brilhante por São Sebastião”.
TIM São Sebastião
Refis 2018

Compartilhe e faça seu comentário